terça-feira, março 13, 2018

Ciao!!!



A capa italiana é tão linda quanto a brasileira.

Ah, os romances de época, as famílias, as pressões sociais...
E duas criaturas 100% teimosas que se especializam em tirar o outro do sério.
Spoiler: amei muito tudo isso!

Um Sedutor sem Coração – Lisa Kleypas – Editora Arqueiro (Os Ravenels 1)
(Cold-Hearted Rake - 2015)
Personagens: Kathleen Ravenel e Devon Ravenel

Devon Ravenel não queria ser conde. Não queria nenhum compromisso com nada na vida porque sabia que não conseguiria cuidar – e manter vivo – um peixe em um aquário. Mas com a morte do primo, herdara o título, uma propriedade à beira do colapso e a responsabilidade pelas três irmãs mais novas do morto. E ao começar da pior forma possível, herdou a antipatia da viúva do conde, Kathleen. E, surpreendentemente, ao decidir assumir a missão, Devon percebeu que nada seria tão difícil quanto resistir à atração que sentia por Kathleen.

Comentários:

- O gostoso de ler romances históricos/de época é experimentar visões de diferentes autoras sobre uma forma de viver em um determinado período. Dependendo de quem contasse a história de Kathleen e Devon, havia a chance de que eu ficasse um pouco irritada ou entediada. No entanto, a Lisa Kleypas sabe costurar direitinho as virtudes e defeitos dos personagens. Resultado: ao não manter nenhum dos dois no pedestal, ela os aproxima de quem lê. E quando quem lê se apega, fica mais fácil para mergulhar na história.

- Kathleen ficou viúva três dias após o casamento e ficou chocada ao perceber que o novo conde, primo do falecido marido dela não pretendia assumir nenhuma responsabilidade. Não hesitou em deixar isso bem claro. Afinal de contas, não tinha a menor ideia do que fazer pelos arrendatários, pela propriedade rural falida e por três jovens, a doce Helen e as espevitadas gêmeas Pandora e Cassandra (sério que alguém escolhe estes nomes e espera que sejam jovens amáveis e doces?), as irmãs do conde, que precisavam de orientação e proteção.


- Do começo enviesado, surge uma relação espinhosa, com Kathleen sendo tudo aquilo que Devon considera mais irritante e vice-versa. Só que a convivência começa a mostrar mais lados que os que eles enxergaram um do outro e os dois começam a se desarmar. Ainda mais porque Devon percebe que ser conde implicaria dar um sentido à vida, coisa que nem ele e nem o irmão, Weston, tiveram antes.

- No entanto, o processo também desmonta algumas certezas de Kathleen. A necessidade de ter um lugar para si, de ser aceita, de não ser considerada um fardo e de estabelecer laços afetivos verdadeiros após uma série de experiências traumáticas criava a necessidade de ter controle, para nunca mais estar à mercê de qualquer coisa que pudesse acontecer. Ela vai aprender a arriscar e assumir as consequências, embora saiba que o mais provável era terminar com um coração partido... Ou talvez, não?

- Aqui já temos o início da trama do segundo livro, com a inesperada relação entre a doce e protegida Helen e o galês rústico Winterborne. Confesso que fiquei preocupada com ela, mas tenho esperança de que ela aprenda a comprar a briga pelo que quer, mesmo contra os parentes excessivamente protetores.


- E dei gargalhadas com as inteligentes, impagáveis e vibrantes Pandora e Cassandra. Já estou imaginando as duas aprontando horrores quando se tornarem protagonistas das histórias.

- Começo de série muito aprovado. Com personagens que aprendemos a gostar e de quem queremos saber mais. Já alinhava o que vem por aí no próximo livro. Agora estou curiosa, mas o jeito é esperar até julho. Vai chegar rápido. E se mantiver o pique iniciado aqui, vai valer muito a pena.

Os Ravenels
Um Sedutor sem CoraçãoCold-Hearted Rake Kathleen Ravenel e Devon Ravenel
Uma Noiva para WinterborneMarrying Winterborne – lady Helen Ravenel e Rhys Winterborne
Um Acordo Pecaminoso – Devil in Spring - Pandora Ravenel e Gabriel St. Vincent
Um Estranho Irresistível Hello Stranger  - Dr. Garret Gibson e Ethan Ramson
Devil’s daughter - Pheobe e Weston Ravenel  (será lançado em 2019)


Bacci!!!

Beta
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário