sexta-feira, abril 20, 2018

Ciao!!!



Uma mulher com uma missão. Um homem que pode dar a ela o que ela quer.
Duas pessoas oprimidas pelo peso de decisões do passado.
Duas pessoas que vão conseguir muito mais do que imaginavam.

Diamante de Conveniência – Maisey Yates – Paixão 471
(His diamond of convenience – 2015 – Harlequin Present)
Personagens: Victoria Calder e Dmitri Markin

Com a consciência pesada por ter ajudado, mesmo involuntariamente, a causar a perda da empresa da família, Victoria Calder finalmente encontrou uma forma de expiar pelo erro que a persegue desde a adolescência. Bastava convencer o novo dono, o ex-lutador e milionário russo Dmitri Markin a aceitar um noivado de mentira. Em troca de ter a empresa de volta, ela o ajudaria a recuperar a reputação e consolidar o projeto de caridade que ele tanto sonha. Dmitri aceitou, jurando que acabaria com o controle da falsa noiva, afinal de contas nunca recusava um desafio.

Comentários:

- Olha, atirei no que vi e acertei onde não imaginava. Achei que era uma daquelas tramas de gente unida por conveniência onde há uma bobagem muito grande e depois tudo se resolve. A autora conseguiu escapar da armadilha dos estereótipos e fugir de fazer uma trama mais do mesmo. Ela acrescentou profundidade aos personagens, ao tornar ambos prisioneiros de sofrimentos vividos no passado. Por isso, ambos viviam em penitência sem chance de expiação.

- Primeiro ela nos apresenta o “pecado” de Victoria: contribuiu para que o pai perdesse a empresa da família há 12 anos, quando ainda era uma adolescente. E ela precisava convencer Dmitri a aceitar o plano dela. Portanto, apareceu com a proposta perfeita: ele queria implantar um projeto de caridade, mas a reputação dele não o tornou uma pessoa confiável para os investidores. E respeito e reconhecimento público por trabalhos voluntários era a base da imagem de Victoria. Por isso, nada como um noivado de conveniência, que não precisava resultar em casamento. Bastava ela atrair investidores e dar “respeitabilidade” ao projeto dele, que, como recompensa, devolveria a empresa London Diva para a família dela.

- O sexy, musculoso, tatuado Dmitri saiu de uma adolescência descontrolada e violência, foi salvo através do esporte, ao ser descoberto por um treinador inglês de MMA. Em Londres, ele canalisou todos os sentimentos nos octógonos e, agora, aposentado se revelou um excelente empresário. Por saber do poder do esporte, queria oferecer a mesma chance que recebeu a outras crianças e jovens em honra à memória do treinador. Victoria ofereceu a ele o que faltava para conseguir viabilizar o projeto. No entanto, ele não gostou de ser surpreendido e ver que outra pessoa encontrara algo vulnerável dele. Então aceitar a proposta trazia o bônus de acabar com o controle dela.

- Claro que ambos vão descobrir que vão muito além das primeiras impressões: herdeira impecável se une ao homem que enriqueceu a partir do próprio esforço. A autora dá o maior poder que uma personagem feminina pode ter: a percepção de todo seu potencial. O que havia se perdido na adolescência é recuperado agora na jornada de autoconhecimento de Victoria. Ao mesmo tempo, ela humanizou Dmitri ao revelar o evento que mudou a vida dele na Rússia.

- Enfim, foi muito além do que eu esperava. No fundo, Victoria e Dmitri são perfeitos um para o outro. E o livro conta como eles descobriram isso, tornando-se pessoas ainda melhores.

- Ah, sim, ÓBVIO que faz parte de uma série. ÓBVIO que peguei o trem andando. ÓBVIO que li o último livro sem ter lido os anteriores (mas dá pra entender sem problemas)

Série "Call of Duty"

1 - A Royal World Apart - Um mundo à parte (Paixão 326) – Princess Evangelina Drakos e Makhail Nabatov
1.5 - The Prince and the PA - Karen Roberts e Bastian Van Saant
2. At his Majesty's request - Desejos Reais (Paixão 328) - Jessica Carter e príncipe Stavros Drakos
3. Pretender to the Throne - Pretendente ao Trono (Paixão 390) - Layna Xenakos e príncipe Xander Drakos
4. His Diamond of Convenience - Diamante de Conveniência (Paixão 470) - Victoria Calder e Dmitri Markin


Bacci!!!

Beta
Reações:

Um comentário :

  1. Mas homem tem mesmo esse DNA machista maldito como minha tia-irmã tanto avisa !!! Ela fez uma proposta louca para ele, embora eu possa compreender muito bem que reputação tem muito valor, trocando favores com ele para ela ter sua empresa de volta (embora eu não tenha conseguido pescar como uma adolescente possa ter ajudado involuntariamente nessa perda), mas por que ele tem de destruir controle dela sobre ele ?!

    ResponderExcluir