segunda-feira, fevereiro 24, 2020

Ciao!!!

Disponível na Amazon



“Sabe por que eu o admiro, Newt? Talvez mais do que a qualquer homem que eu conheça? Você não está atrás de poder ou popularidade. Simplesmente pergunta, esta é a coisa certa? Se for, então você faz a qualquer custo”.

Hoje é aniversário do meu sardento lufano favorito!
Então, hora de ler a segunda parte da cinessérie. Em um livro lindo, com design refinado e caprichado, enquanto espero por Animais Fantásticos 3, que desembarca no Brasil no ano que vem (pena que deve ser um Brasil made in estúdios na Inglaterra. Adoraria me candidatar pra ser figurante no filme)...

Animais Fantásticos: Os crimes de Grindelwald o roteiro original – J.K. Rowling – Rocco
(2020)
Personagens: Newt Scamander, Albus Dumbledore, Geralt Grindelwald e outros

1927: O mundo ainda está instável, mesmo após a prisão de Grindelwald. E as coisas pioram quando ele consegue fugir. Newt está proibido de deixar a Inglaterra. Dumbledore está sob vigilância. A notícia de que Credence pode ser o filho citado em uma profecia faz com que todos vão para Paris atrás dele. É um momento que vai exigir que os personagens tomem decisões – e assumam as consequências.

Comentários:

“Um filho cruelmente banido,O desespero da filha,
Retorna, o grande vingadorCom asas da água”

- Só mesmo o povo da Macusa e dos governos bruxos europeus acharam que conseguiriam conter Grindelwald... Ele deu um jeito de fugir e de colocar em andamento o plano para que os bruxos de sangue puro dominassem todo o mundo.

- Meses depois de lançar o livro “Animais Fantásticos e onde habitam”, Newt está às voltas com a proibição do Ministério da Magia de viajar para fora do país. Querem que se torne um auror e vá a Paris caçar Credence, que não morreu no confronto em Nova York. Mas ele se recusa a tomar um lado nesta situação. O que o surpreende é receber o mesmo pedido de Dumbledore – embora Newt não é tão ingênuo e perceba que o professor o está usando na disputa contra Grindelwald.

- No entanto, o que realmente empurra Newt pra Paris é saber que Tina está lá. E descobre isso após uma inesperada e confusa visita de Jacob – enfeitiçado – e de Queenie – desesperada. Os dois não podem ficar juntos por serem quem são e ela não está disposta a abrir mão dele. Só não encontra apoio e toma uma atitude que muda o curso da história dela.

“O arrependimento é meu companheiro constante. Não permita que se torne o seu”

- Por outro lado, temos Newt às voltas com o que sente (ou pensa que sente) por Leta, a noiva do irmão. Ele será padrinho dos dois. O passado de Leta Lestrange é um dos pontos da trama. Aos poucos vamos entendendo o tamanho do peso, da solidão, da amargura que ela carregou a vida inteira. Percebemos que nem a ligação dela com os irmãos Scamander – ser amada por Theseu e compreendida por Newt – conseguiu aliviar esse fardo.

- E Credence está em Paris em busca de informações sobre a própria origem. Quer encontrar a mãe. Quer entender por que foi entregue para ser criado pela sra. Barebone. E o caminho o leva para perto de algo totalmente inesperado – exceto por um personagem, que aguarda ansiosamente por isso.

- A sensação que tive, depois de ver o filme e ler o roteiro, é de que a história é um jogo de xadrez entre Dumbledore e Grindelwald. Por se conhecerem muito bem, os dois possuem uma noção muito mais ampla do quadro, do que está em jogo e da importância de tentar neutralizar o adversário. Grindelwald diz isso com todas as letras em uma das cenas em Paris.

- Aliás, o discurso de Grindelwald na cena clímax é de causar calafrios. Porque, por mais que tenha sido dito em uma cena de ficção, ele tem origens fortemente fundamentadas no mundo real. A gente vê pessoas reais e atuais bem claramente no antagonista. Uma sensação de história se repetindo não muito agradável.

“Ah, Newt. Você jamais conheceu um monstro que não pudesse amar”

- Os demais personagens se movem no escuro, captando pistas e informações, especialmente Newt e os aliados, em uma corrida para tentar minimizar o impacto das ações de Grindelwald e das reações a ele, que podem colocar tudo a perder.

- E Newt segue montando quebra-cabeças, tentando se aproximar de Tina e sendo atrapalhado por mal entendidos, protegendo quem ele considera que precisa e se envolvendo cada vez mais na situação.

- Testemunhamos nesta segunda parte muitas referências, perdas, confusão, manipulações, sacrifícios, reviravoltas inesperadas – confesso que tanto tempo depois de ver o filme, ainda não consigo compreender totalmente o impacto da última cena. O fato é que tem muita água ainda pra correr debaixo dessa ponte. As experiências anteriores com a J. K. Rowling comprovam isso. O jeito é esperar o que vem nas próximas partes.

Animais Fantásticos
Animais Fantásticos: Os crimes de Grindelwald


Arrivederci!!!

Beta
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário