quarta-feira, abril 01, 2020

Ciao!


Chegamos ao Abril Imperdível - e, sim, o Literatura de Mulherzinha completa 15 anos.

E isso, pra mim, é um alento neste momento de tanta preocupação mundial por causa dos cuidados necessários com a nossa saúde e com a das pessoas que amamos.

Posso garantir que estou com muita saudade de dar abraços e de poder andar na rua com tranquilidade - porque saio apenas para fazer o extremamente necessário.

O que foi divertido é que, quando a Rosana criou os banners para este ano, o azul me fez ter uma lembrança querida da infância. E que, de certa forma, tem a ver com livros (pelo menos, se consideramos o videoclipe - aliás, se alguém achar em melhor qualidade, me avisa!).



Nosso Lindo Balão Azul
(Guilherme Arantes)

Eu vivo sempre no mundo da lua
Porque sou um cientista
O meu papo é futurista,
É lunático
Eu vivo sempre no mundo da lua
Tenho alma de artista
Sou um gênio sonhador
E romântica (o)
Eu vivo sempre no mundo da lua
Porque sou aventureiro
Desde o meu primeiro passo
Pro infinito
Eu vivo sempre no mundo da lua
Porque sou inteligente
Se você quer vir com a gente
Venha que será um barato
Pegar carona nessa cauda de cometa
Ver a Via-láctea,
Estrada tão bonita
Brincar de esconde-esconde
Numa nebulosa,
Voltar pra casa,
Nosso lindo balão azul

Nesta época tão difícil, além de ter fé e não descuidar, viver um pouco no mundo da lua para se encarar nossa luta diária faz bem, né?
 
Portanto, vamos celebrar cada dia. Procurem seus balões azuis diários. E vamos em frente no Abril Imperdível possível em 2020.

E não se esqueçam:


Bacci!!!

Beta
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário