domingo, setembro 06, 2020

Ciao!!! 

Disponível na Amazon  

É uma história que mostra como é importante não se deixar constranger, conformar e não ser escravizado por nenhum padrão. 

Poder Extra G – Thati Machado – Astral Cultural 
(2016) 
Personagem: a reviravolta na vida de Nina

As férias em Buenos Aires eram para desconectar do que não funcionava mais na vida dela. Nina só não imaginava que seria além de qualquer expectativa. Conheceu Nico, encontrou ainda mais a si mesma. E era um caminho novo e sem volta. E que traria descobertas que ela nunca imaginou sobre a própria vida. 

Comentários:  

— Essa é a construção mais alta da cidade — Nico me contou com uma voz levemente rouca de dar arrepios. — E também meu lugar favorito. Sinto-me tão próximo do céu... Quando tenho um problema, gosto de vir até aqui, pois consigo ver tudo sob uma nova perspectiva. Eu olho para baixo e vejo como tudo é pequeno e efêmero diante dessa imensidão. 

-  Nina é uma jovem mulher gorda. E isso não é um problema para ela. Apenas para todos os outros que a julgam por isso. Por isso, a viagem para Buenos Aires veio em uma boa hora: ela precisava se desconectar do fim do relacionamento com Marco, um homem que não a merecia. 

- Na capital argentina, ela encontrou Nico e a atração entre eles foi instantânea. E ela se viu abraçada por uma família tão incrível, que a incluiu na rotina e nos dramas dela. Ela se desconectou dos problemas que enfrentou Brasil, mas estava se conectando a uma vida temporária, o que serviu para complicar o que era apenas um período de férias. 

- É um livro para falar sobre diferentes tipos de pessoas e de beleza, não só física, mas, principalmente, de caráter. Nina colocou a vida em perspectiva, encontrou ainda mais força em si mesma e se deparou com revelações que não esperava. Ao reavaliar o que era importante, percebeu que poderia, sim, ter coragem para mudar tudo por um bom motivo. 

- A trama destaca a importância da gente não se deixar levar pela opinião alheia, especialmente quando vêm de pessoas que não tem a menor noção de quem realmente somos. Ou ainda resolvem tentar nos conformar dentro de padrões que julgam “aceitáveis” e, muitas vezes, por razões que se sustentam tanto quanto uma bolinha de sabão. 

- Este tipo de gente que se julga melhores, mas ainda não compreenderam o básico: a gente tem que aprender a reconhecer o que não podemos deixar para trás, como diz a letra de “Walk on” do U2. Talvez, quando perceberem, não consigam recuperar o tempo perdido.

- Nina está à frente destas mentes piscantes, porque aprendeu a não se deixar apagar por elas. E sem perder a empatia com quem, por diferentes caminhos, enfrenta batalhas parecidas – e vocês vão perceber isso no livro. Não vou falar para não dar spoilers. 

- É uma leitura interessante. Gostei de que a autora abordou personagens que geralmente não encontramos na maioria dos outros livros. Gostei de que ela tenha feito a gente entender os sonhos, esperanças, sofrimentos e dúvidas de cada um deles. Gostei também de que a história não enrola, acontece muita coisa, mas não ficam atravancando.  

- Links: Goodreads livro e autora; Skoob. 

Arrivederci!!! 

Beta

Reações:

0 comentários :

Postar um comentário