quinta-feira, abril 29, 2021

Ciao!

 

Chegamos à parte final (ou não) da série As Joias do Texas, que foi lançada no Brasil. A quarta irmã Jewel confronta os temores para assumir o próprio destino. Pena que ela encontrou um cochon no caminho. 

Rubi – Ruth Langan – Minissérie Clássicos Históricos 02 (As Joias do Texas) 
(Ruby – 1997) 
Personagens: Rubi St. Jacque Jewel e xerife Quent Regan

Rubi não se conformava ao ver injustiças e, por isso, foi parar na cadeia. Virou assunto para toda a cidade por causa de uma demonstração de autoridade do xerife Regan. Assim como as irmãs, ela pretendia estabelecer raízes em Hanging Tree, para isso, abriria um ateliê de costura. A atração entre a bela jovem e o xerife rendeu muita confusão sentimental e pessoal, mas a falta de confiança podia colocar Rubi em risco. E talvez o xerife não tivesse chance de salvá-la ou salvar a si mesmo. 

Comentários:

– Não é que eu tenha medo. Toda pessoa tem medo de alguma coisa. Mas esse medo deve ser sufocado por algum tempo para que a energia possa ter melhor uso. Quando se enfrenta uma pessoa má, deve-se lutar como os maus. Seja com palavras, armas de fogo ou mesmo trapaças. E nunca deixe que ela perceba o seu medo. Assim ela nunca levará a melhor sobre você, Rubi, nunca vencerá”. 

- Rubi é, disparado, o livro de que mais gosto na série. O jeito espevitado da jovem de Nova Orléans conquistou a minha simpatia nos livros anteriores, até pelas observações que ela faz nas histórias das irmãs. Ao saber mais sobre Rubi, percebemos que ela também sofreu com o fato de não ser uma filha legítima e pelo temperamento indomado, que disfarça a vulnerabilidade dela. A escolha dos pais deixou um trauma que ela fazia questão de ignorar, mas voltou a atingi-la em Hanging Tree. 

- Rubi tinha problemas com a autoridade – e, em Hanging Tree, o xerife Quentin Regan era a autoridade. Após escapar da morte, estava frustrado e irritado por não ter impedido um dos irmãos Barlow de fugir com o distintivo dele. Voltou para a cidade e se viu descontando a raiva em Rubi Jewel depois da denúncia de um mascate golpista. Não ajudou a resolver o problema e ainda deixou uma pendência com a jovem, após humilhá-la publicamente. 

- A partir disso, temos Rubi consolidando o plano de se tornar costureira e abrir um ateliê na cidade, mesmo ciente de que as mulheres do Texas precisariam de algo prático e não tão vistoso como ela mesma gostava de usar. Com os conselhos e apoio das irmãs, ela começou a construção do prédio. E teve que lidar com a onipresença do xerife por perto. Da antipatia, nasceu o desejo e a jovem se viu admirando e disposta a assumir os sentimentos por ele.  

- O xerife Regan tinha uma dívida de gratidão com Joseph Jewel por tê-lo colocado no caminho da lei. Aliás, ele é uma das pessoas que apresenta a Rubi como o pai era e agia na comunidade. E ele se sentia atraído por ela e um tanto confuso com as diferentes facetas que ela apresentava às pessoas. Especialmente os momentos de ternura que ela destinava a poucos conhecidos. O que me irrita no xerife é a quantidade de conclusões precipitadas que ele tira a respeito de Rubi. Ele não a merecia e deixou isso bem claro em um momento-chave da trama – e uma frase dele no desdobramento, como se nada de grave tivesse acontecido. 

– Precisa? – A voz dela estava trêmula de raiva. – E o que você acha que eu precisava? Precisava da sua confiança, mas você preferiu acreditar no pior sobre mim. E o tempo todo eu pensei que você... gostava de mim”. 

- A reta final envolve o acerto de contas entre Rubi e o xerife e também o desfecho do perigo rondando a cidade. A essa altura, escolhas e sacrifícios serão feitos. Teremos informações sobre o destino das irmãs Jewel e da vida que construíram no Texas amado pelo pai sem vergonha delas. 

- No Brasil, a série terminou neste livro. No entanto, há uma quinta história. Afinal de contas, Joseph Jewel tinha várias mulheres, mas não assumiu nenhuma – uma delas era uma indígena, a mãe de Malachite (Malaquita). Quem sabe um dia este livro aparece por aqui no Literatura de Mulherzinha? 

Joias do Texas

  1. Diamond – Esmeralda 
  2. Pearl – Pérola 
  3. Jade - Jade
  4. Ruby - Rubi
  5. Malachite - não lançado no Brasil 

- Links: Goodreads livro, autora e série; site da autora; Skoob; mais dela no Literatura de Mulherzinha. 

Arrivederci!!! 

Beta

Um comentário :

  1. Essa série foi uma das primeiras que eu li quando comecei a gostar de romances, amoooooo ❤️

    ResponderExcluir